terça-feira, fevereiro 28, 2012

Testamos #004

Produto: Hidratante para pés ressecados Neutrogena


Testado por: Eline
♥ Aprovado ( x ) Mais ou Menos (    ) ♥ Reprovado (    )

Comentários: Faz tempo que não posto aqui nesta tag Testamos! Então hoje resolvi falar sobre algo que testei!
Sei que o produto não é maquiagem,  mas acho que pode ser válido pra alguém. É um creme MILAGROSO para hidratação dos pés.
Bom, antes vou contar o porque de eu precisar usar este creme, e já justificar meu sumiço do Blog no ano passado, pois nunca comentei sobre isso por aqui. Tentarei ser breve,ok?!
Não sei se você ficou sabendo, mas sofri um acidente de moto bem sério(agradeço pois sei que a Juh Pimentel espalhou a notícia e teve muita gente orando por mim). Quebrei o fêmur da perna esquerda e fui submetida a 2 cirurgias desde então e estou há mais de 1 ano em tratamento,sem poder trabalhar,estudar e etc! Mas graças a Deus já estou bem melhor! Ele me livrou da morte, pois foi bem sério. Podia ter morrido,mas Deus me guardou!
Por conta de muuuuuitos antibióticos que fiquei tomando (depois do acidente tomei vários, dei uma pausa. Este ano voltei a tomar e já parei de novo graças a Deus!), não sei porque, mas os antibióticos tiveram uma reação muito forte na minha pele, e PRINCIPALMENTE na pele dos pés.
Eu sempre tive pés lisinhos e sem problemas, rsrs. Eu praticamente nem passava nada nos pés, só de vez em quando, mas nunca tinha tido pés ressecados!
Mas depois dos antibióticos, vcs não tem idéia da lixa que meu pé virou!
Há um tempo atrás, minha mãe descobriu este creme, me indicou e ele salvou meus pezinhos ressecados! Rsrs.
De tantos que eu já tinha testado, ele foi o único que fez efeito realmente! Ele é tipo um remedinho, e curou totalmente meus pés. E quanto ao odor, eu acho o cheirinho dele bem agradável!
Aqui na minha cidade, ele é meio caro na minha opinião! Da última vez paguei R$28 pra 56g de produto,mas vale muito a pena(e dura bastante)! E se você tem problema com pés ressecados, e tiver oportunidade, teste este produto, pois tenho certeza que vc vai se apaixonar!
Eu não troco mais, pois com ele voltei a ter pés lisinhos igual de bebês!! Hehehe.
Mandem perguntas ou opiniões nos comentários e digam: Qual cuidado vcs tem com seus pés? Trata de alguma forma? Tem dicas pra compartilhar? Divide com a gente!

sábado, fevereiro 25, 2012

Uma palavra aos professores...

(Na verdade nessa foto eu estou no estágio em uma creche e não na igreja, mas acho tão bonitinha!)


Olá Santas Meninas!

No começo do ano, a Ju me chamou para fazer parte da equipe do SM como colaboradora na área de educação cristã (e depois combinamos que eu também poderia postar nos "Heróis da Fé"). Então trouxe hoje pra vocês (no fim de Fevereiro, já! Desculpem a demora...) meu primeiro post na área.

Gostaria muito que vocês que são professoras de educação cristã (na EBD, culto infantil, EBF, etc.) compartilhassem nos comentários suas experiências, dificuldades, curiosidades, dúvidas... E aí nós podemos conversar e nos ajudar! E também posso ter uma base pros próximos posts!

Espero que gostem, esse vídeo é só uma introdução mesmo, meditando em I Samuel capítulo 12.



P.S.: Vocês preferem posts em vídeo ou texto?

terça-feira, fevereiro 07, 2012

Valorize sua câmera compacta


Oi meninas, como vocês tem passado? Fotografando muito?
Antes de ganhar minha DSLR, eu achava que nunca faria fotos boas o suficiente com uma compacta, mesmo gostando de algumas fotos feitas com ela. Quando a minha DSRL chegou, eu percebi que o negócio era MUITO diferente do que eu pensava. As primeiras fotos não saíram tão perfeitas quanto imaginei... "ah mas eu não tenho uma Canon 5D Mark II", "eu preciso de lentes melhores"... Não, o problema estava em mim! Como a Rejane Wolff (fotógrafa familiar favorita) disse uma vez no twitter "todas as câmeras são igualmente ruins, se forem usadas no automático".
Vamos combinar que se você não quer ser fotógrafa profissional ou não tem a fotografia como um grande hobby, não tem motivo pra investir numa DSRL né? Por isso vou dizer três vantagens e desvantagens de ter uma compacta, e vou mostrar algumas fotos lindas feitas por uma compacta.

Primeira e mais relevante vantagem na minha opinião: O PREÇO!

Dependendo dos modelos, uma compacta pode custar até 10x menos que uma DSRL. O que também facilita quando você decidir trocar de câmera, bom pra quem enjoa fácil das coisas.
Segunda vantagem: O TAMANHO!
São pequenas e fáceis de carregar, você pode levar facilmente a qualquer lugar, desde a faculdade até um show. Já uma DSRL não é tão simples de carregar por aí, ainda mais se você quiser carregar mais de uma lente.
Terceira vantagem: SIMPLICIDADE!
É muito mais simples fotografar com ela. Em uma viagem, por exemplo, se você pede pra alguém te fotografar com a sua compacta 90% das pessoas vão saber fazer isso. Já com a DSRL você vai ter que ensinar pra 90% das pessoas onde está o botão do obturador.

Primeira desvantagem: SEM BOKEH!

Bokeh é aquele desfoque no segundo plano (que pra maioria determina se uma foto é boa ou não tsc tsc tsc), câmeras compactas não tem grandes aberturas de diafragma.
Segunda desvantagem: LESMA!
O que mais me irritava na minha compacta era quando eu tirava fotos do ministério de dança na igreja, por exemplo, ela era muito lenta e eu perdia muitas partes legais da coreografia.
Terceira desvantagem: DESCONTROLADAS!
Estou rindo de ter colocado "descontroladas" ai em cima, mas é verdade. Com câmeras compactas você não tem muito controle, então é torcer pra luz ser favorável ou vai ter uma foto superexposta ou subexposta.

Abaixo mais fotos feitas com uma compacta, mais especificamente da Sony DSC-S730:





Espero que o post tenha sido de utilidade pra vocês e gostaria muito de receber dicas nos comentários, existe alguma dica específica que você gostariam de ver no próximo post?
Beijos e fiquem com Deus! ;)

Créditos: Imagem1, Imagem2, Imagem3, Imagem4; Imagem5; Imagem6.

Cantoras evangélicas e o lápis de olho(Parte 2)


Oi meninas santas da minha vida!
Vamos continuar com o post falando sobre as cantoras evangélicas e a maquiagem(lápis de olho) que elas andam usando por aí?
Se vc não viu o 1º post dessa série, te convido a vê-lo aqui .
Este é o último tratando DESTE assunto.
Vamos lá, continuando por ordem alfabética (No post passado não coloquei a cantora Cristina Mel na letra C, então hoje começo com ela) :

domingo, fevereiro 05, 2012

A terapia perfeita

Olá Santas Meninas! Meu nome é Aline, sou psicóloga recém-formada, mas ainda sou uma “santa menina”, tentando aprender e experimentar a boa e perfeita vontade de Deus pra minha vida.

Pretendo compartilhar aqui com vocês, como se fosse uma conversa, sobre aquilo que Deus tem colocado no meu coração e sobre aquilo que nos é humano: sentimentos, relacionamentos, fé, amor, esperança, então, fiquem ligadas!

Toda vez que falamos em psicóloga lembramos de “terapia”, risos. Mas, não sei se isso já aconteceu com você, às vezes dá vontade de não falar nada. Há inúmeras situações em que a ansiedade, a dor, a mágoa, a frustração tomam conta da nossa alma e nos cala. Fernando Pessoa poetisa sobre isso:calar

“Mas quem sente muito, cala; quem quer dizer quanto sente fica sem alma nem fala, fica só inteiramente”

E às vezes dá vontade de não falar nada, inclusive em oração. Sabemos que Ele sabe tudo o que se passa na nossa pequena existência, mas assim mesmo preferimos ficar só.

Jeremias viveu uma situação semelhante. Colocou diante de Deus toda a situação econômica, espiritual, cotidiana e sentimental. Não apenas como uma reclamação, mas como um desabafo, quase uma terapia.

Em uma terapia, falar algo que nos marcou ou traz sofrimento demanda tempo e disposição. Quando se está em terapia, a responsabilidade sobre a mudança em relação à tudo o que se diz ou pensa é do próprio paciente que precisa, de alguma maneira, se tornar o seu próprio agente de transformação.

Com Deus não é diferente. Ao falar sobre nossos sentimentos e frustrações reconhecemos que, embora sejamos atores de nossa história, Ele é quem nos dá a direção e nos carrega em seus braços. E o Eterno é o nosso terapeuta perfeito: Ele deseja um relacionamento autêntico conosco, nos acolhe independentemente do que somos e nos restaura, se tão somente confiarmos e entregarmos nossas vidas em suas mãos.

Sugestão de música: A Terapia – Banda Resgate