domingo, abril 01, 2012

Geração “fone-de-ouvido” (parte 3)

Ouvindo o mundo

OUVINDOMUNDOOutra semelhança da geração fone-de-ouvido com os dias atuais é a surdez para com aquilo que acontece com o mundo.

Sim, temos grande acesso às informações e notícias, sabemos como fazer revoluções com apenas 140 caracteres. Mas, apesar dessa globalização, continuamos “com fones-de-ouvido”, ou seja, surdos para o clamor do mundo.

Em primeiro lugar, nós como cristãos sabemos que há muitas pessoas que não conhecem a Jesus como Salvador e Senhor, e que sim, a sociedade encontra-se em declínio devido ao distanciamento do homem para com Deus em suas diversas esferas: espiritual, emocional, física, social e ecológica.

Mas, apesar dessa realidade não podemos sair “vomitando” o evangelho, sem a mínima consideração para com a situação cultural ou as necessidades das pessoas. Se agimos assim, acabamos afastando ou alienando as pessoas, sem entender o verdadeiro significado do sacrifício de Cristo, a saber, a Salvação que é pessoal!

“A melhor coisa é ouvir antes de falar, procurar penetrar no mundo das ideias e pensamentos de outra pessoa, tentar descobrir quais são suas possíveis objeções ao evangelho e então compartilhar com ela as boas novas de Jesus Cristo de uma maneira que fale às suas necessidades” (John Stott)

John Stott chama isso de “contextualização”. Não manipular o evangelho, mas ouvir duas vezes: a Palavra de Deus afim de descobrir suas riquezas; e ouvir o mundo a fim de discernir dentre as riquezas de Cristo, quais são as mais necessitadas e como apresentá-las da melhor maneira.

Em segundo lugar, precisamos ouvir o sofrimento os famintos, depossuídos e dos oprimidos. A Escritura sempre colocou sobre o povo de Deus o preocupar-se com a justiça social. “Busquem, pois, em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua justiça, e todas essas coisas lhes serão acrescentadas.” (Mateus 6:33 grifo meu)

Como cristãos é nossa obrigação e privilégio ouvir o clamor e suspiros dos que estão sofrendo e Deus é solene em dizer para seu povo sobre a consciência social: “aprendam a fazer o bem! Busquem a justiça, acabem com a opressão. Lutem pelos direitos do órfão, defendam a causa da viúva.” (Isaías 1:17 – leia de 11 a 17) “O que tapa o ouvido ao clamor do pobre também clamará e não será ouvido” (Provérbios 21:13)

Enfim, nós,  geração fone-de-ouvido, precisamos exercitar nosso ouvir e assim encontramos a receita para um verdadeiro relacionamento com os outros, com Deus e com nosso “discípulo”.

tumblr_lj9f0xtZcB1qh5u59o1_500

Todo mundo deveria ser ‘pronto para ouvir, tardio para falar, tardio para se irar’ Tg. 1:19

♥ Parte 1 - Ouvindo a Deus

♥ Parte 2 - Ouvindo uns aos outros

(Inspirado nas minhas leituras de “Ouça o mundo, ouça o espírito” de J. Stott, Ed. ABU)

Um comentário:

  1. Glória a Deus por esta palavra!!!!
    este blog está sendo uma bênção na minha vida!!!
    obrigada meninas!!!
    que o Senhor continue abençoando vcs em sabedoria!!!!
    bjos!!!
    Willany
    (Natal/ RN)

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos, difamatórios ou com conteúdo ilicito proibido por lei serão deletados e o seu autor bloqueado não podendo mais visitar esse site.

Deixe sua opinião sincera, discuta, critique e sugestione mas com muita educação, do contrário também será bloqueado :)

Para ter a sua foto nos comentários desse blog é preciso cadastro no Blogger